Z1\

estamos acompanhando as obras do canal do jordão , desde o seu inicio até o final. queremos agradecer ao governo do estado, em especial a secretaria das cidades, através da cehab, pelo inicio desta obra. o movimento de luta pelo revestimento do canal do jordão vem lutando por esse sonho e só através de um governo popular, estamos vendo ele sair do papel. além das obras do canal, você pode ver as postagens antigas, que mostra como conseguimos esta obra.
este blog é seu,
divulgue-O


sábado dia 17 de abril, a vergonha continua

object style="background-image:url(http://i1.ytimg.com/vi/dfky3fL94po/hqdefault.jpg)" width="425" height="344">

rede globo homenageia dilson por sua luta peo canal do jordão

dilson martins

assista dilson agradecendo liberação de verbas para o canal do jordão ao presidente lula.

reportagem da rede globo

PRA CURITR

quarta-feira, 7 de novembro de 2012

"ESSES CANALHAS VENDEM O VOTO E NO FINAL TODOS ACABAM PAGANDO"

IPTU do Recife, Olinda e Jaboatão será 5,45% mais caro em 2013 Reajuste é definido pela infração oficial medida pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística Publicado em 07/11/2012, às 15h16
Giovanni Sandes Foto: Arnaldo Carvalho/JC Imagem Contribuintes do Recife, Olinda e Jaboatão dos Guararapes vão pagar um Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU) 5,45% mais alto em 2013. O reajuste, definido nos Códigos Tributários dos municípios, é a aplicação direta da inflação oficial do País acumulada nos 12 meses de novembro de um ano a outubro do ano seguinte. O número foi divulgado nesta quarta (7) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A partir de agora, as áreas de finanças das prefeituras vão trabalhar na aplicação do reajuste nos carnês do IPTU, que começarão a ser enviados a partir de janeiro. Por isso, é bom o contribuinte já começar a fazer as suas contas do aumento. Não importa se o pagamento será em cota única ou em parcelas, o primeiro vencimento do imposto será em fevereiro. O reajuste é mais baixo do que os 6,97% aplicados ao IPTU 2012, porém mais alto do que o aumento pago em 2011, de 5,2%.

Nenhum comentário: